Publicidade
Cotidiano | Entretenimento Cinema

Filmes para lembrar do cultuado diretor Alan Parker

Diretor inglês morreu nesta sexta-feira, aos 76 anos. Relembre alguns dos seus filmes mais famosos, em uma carreira ao longo de três décadas

Por André Moraes
Publicado em: 01.08.2020 às 21:00 Última atualização: 01.08.2020 às 21:14

Mississippi em Chamas Foto: Divulgação
Autor de vários filmes que ganharam o título de "cults", o diretor inglês Alan Parker morreu nesta sexta-feira, após um período doente, aos 76 anos de idade. Nascido em 1944, ele começou como diretor em meados dos anos 70, e ao longo de cerca de três décadas assinou vários títulos que vão ser familiares mesmo a quem não costuma acompanhar muito cinema.

Os filmes de Parker costumavam ter uma fotografia cheia de estilo e, muito frequentemente, também eram ligados à música ou, ao menos, tinham grandes trilhas sonoras. Em parte, isso está ligado ao fato de que iniciou a carreira no mercado publicitário.

Um de seus primeiros sucessos, Fama, de 1980, era a história de um grupo de jovens músicos e dançarinos. Um de seus filmes mais famosos, O Expresso da Meia-Noite, celebrizou a trilha sonora de Giorgio Moroder. Este também era um exemplo de seu cinema político e social, que ele exercitou ainda em Mississippi em Chamas (1988) e A Vida de David Gale (2003), seu último filme.

O Expresso da Meia-Noite (1978)

Expresso da Meia Noite Foto: Divulgação
Um de seus primeiros filmes cultuados, rendeu vários prêmios internacionais. É a emocionante história de um jovem norte-americano preso com drogas na Turquia e confrontado com um sistema penal altamente desumano.

 

Pink Floyd - The Wall (1982)

Pink Floyd, o filme Foto: Divulgação
O ambicioso filme psicológico em estilo de ópera rock é quase um videoclipe gigante do álbum The Wall, do grupo progressivo Pink Floyd. Mescla atores e cenas de animação, com algumas cenas que ficaram antológicas.

 

Mississippi em Chamas (1988)

Mississippi em Chamas Foto: Divulgação
Com uma temática que tem tudo a ver com os conflitos raciais dos EUA que ocorreram ainda este ano, este thriller trazia dois agentes do FBI investigando assassinatos praticados por grupos de supremacistas brancos.

 

Coração Satânico (1987)

Coração Satânico Foto: Divulgação
Cult nos anos 80, este filme policial noir tinha o badalado Mickey Rourke como um detetive particular contratado por um homem misterioso (Robert De Niro) que, ele só descobria mais tarde, era o Diabo em busca de uma alma.

Evita (1996)

Evita Foto: Divulgação
Com Madonna e Antonio Banderas, a versão de cinema do musical de Andrew Lloyd Webber está longe de ser um de seus melhores filmes, mas é uma das últimas superproduções de sua carreira.

 

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.