Publicidade
Esportes Campeonato Inglês

Klopp diz que nenhum jogador do Liverpool será obrigado a treinar

Técnico alemão afirmou que não haverá punição para os atletas que não se sentirem seguros e decidirem não retomar as atividades

Última atualização: 20.05.2020 às 21:31

Técnico alemão Juergen Klopp disse que decisão é de cada jogador Foto: Divulgação
Nenhum jogador do Liverpool será forçado a treinar se não se sentir seguro, disse o técnico alemão Juergen Klopp nesta quarta-feira (20), após o primeiro treino do líder do Campeonato Inglês em mais de nove semanas. O Campeonato Inglês foi interrompido em 13 de março por causa da pandemia do novo coronavírus, mas os clubes agora podem treinar em pequenos grupos.

CONTEÚDO ABERTO | Leia todos os conteúdos sobre coronavírus

Klopp disse à emissora Sky Sports, após uma primeira sessão de treinamento com 10 jogadores, que espera que todos os seus atletas apareçam, mas que eles não estão sob pressão: “A escolha é deles, isso está claro”.

Nesta quarta foram realizadas mais duas sessões de treinamentos, com outros dois grupos diferentes.

“Eu disse antes do treino: 'Vocês estão aqui por livre arbítrio. Normalmente, vocês assinam um contrato e precisam entrar quando eu digo. Nesse caso, se vocês não se sentirem seguros, não precisam estar aqui'”, afirmou o alemão.

“Não há restrições, não há punição, nada. Portanto, a decisão é deles e respeitaremos 100%”, disse o comandante do líder do Campeonato Inglês.

“Os rapazes estão bem. Nunca colocaríamos alguém em perigo para fazer o que queremos. Sim, nós amamos o futebol e, sim, é o nosso trabalho, mas não é mais importante do que nossas vidas ou a vida de outras pessoas”, completou.

Quando a temporada foi interrompida, o Liverpool, do goleiro hamburguense Alisson, estava 25 pontos à frente do segundo colocado Manchester City e a duas vitórias de seu primeiro título inglês desde 1990.

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.