Publicidade
Notícias | Mundo Impacto

Biden garante apoio a afetados por furacão nos Estados Unidos e libera estoques de gasolina

O líder americano disse que muitas áreas ainda estão desprotegidas, diante das enchentes e outros estragos causados por Ida

Por Por Gabriel Bueno da Costa
Publicado em: 02.09.2021 às 21:14 Última atualização: 02.09.2021 às 21:16

O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, garantiu nesta quinta-feira, 2, em discurso, que o governo federal norte-americano manterá seu apoio às pessoas atingidas pela passagem do furacão Ida. Ele informou que sua administração monitora de perto o assunto e informou que viajará na sexta-feira, 3, à Louisiana para visitar áreas atingidas.

Biden também comentou que o governo liberará estoques para garantir o fornecimento de gasolina e conter os preços do combustível nas zonas atingidas, nos Estados de Louisiana e Mississippi.

O líder americano disse que muitas áreas ainda estão desprotegidas, diante das enchentes e outros estragos causados por Ida.

Ele lembrou que antes mesmo do furacão já havia emitido declarações de emergência para a área ameaçada, a fim de agilizar a resposta ao problema.

E ainda criticou seguradoras que, segundo ele, tentavam deixar de pagar pessoas atingidas com o argumento de que teria havido apenas uma recomendação de que elas saíssem da área, não uma ordem - Biden falou que nem houve tempo para tomar esta última decisão.

O presidente disse que há um "longo caminho pela frente" para se restaurar totalmente a energia e a telefonia na área atingida.

Ele argumentou que as tempestades extremas e mudanças climáticas são algo cotidiano agora, por isso a necessidade de ação para lidar com esses problemas.

"As enchentes ocorrerão cada vez mais, de modo mais agressivo", advertiu Biden, defendendo a concretização de seu pacote de gastos "Build back better".

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.