Publicidade
Opinião Opinião

O melhor presente

Por Marcelo Pelissioli
Publicado em: 13.09.2021 às 03:00 Última atualização: 13.09.2021 às 08:33

O Dia dos Pais me gerou uma pequena reflexão. No final de 2020, chegou em nossa casa a Chelsea, uma cadelinha vira-latas que adotamos como o "presente" que as gurias pediram ao Papai Noel. As "gurias" a quem me refiro são minhas filhas, uma com 3 e a outra com 8 anos. Elas estão em idades bem interessantes, com a mais velha nos fazendo desbravar novos aprendizados a cada nova postura, gosto e ranço, e a mais nova comprovando a máxima de que cada filho é diferente do outro.

A verdade é que elas estão crescendo, o que me deixa aliviado. E confesso: eu queria mesmo que crescessem rápido, que pudessem ser mais independentes, que "se virassem", pelo próprio bem delas.

A chegada da Chelsea me despertou para um fato: se aquela bolinha de pelos viver até a média de uns 12, 14 anos, a Mariana vai estar na faixa dos 20 anos, e a Martina, no auge da adolescência. Aí, eu confesso: eu não queria que crescessem tão rápido assim!

Caio na real que precisamos curtir cada fase, cada minuto com nossos filhos, por mais que a atenção que demandem como crianças nos prive de outros lazeres, por mais que a adolescência e vida adulta deles nos resulte em sentimento de indiferença: as fases passam e a sensação de que tudo foi muito rápido também é reflexo do quanto investimos de vida na convivência com eles.

Que possamos presentear nossos filhos e filhas com nossa vida inteira, tanto na dimensão que investimos em seus sustentos e melhora de condições de vida, quanto, principalmente, na dimensão da atenção, do convívio, do respeito, do amor e carinho, do curtir de coração inteiro nossa paternidade. Não haverá presente maior para seu filho. Nem para você, pai.


O artigo publicado neste espaço é opinião pessoal e de inteira responsabilidade de seu autor. Por razões de clareza ou espaço poderão ser publicados resumidamente. Artigos podem ser enviados para opiniao@gruposinos.com.br
Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.