Publicidade
Opinião Opinião

As melancias quadradas

Por Marcelo Pelissioli
Publicado em: 15.09.2021 às 03:00 Última atualização: 15.09.2021 às 08:13

Hoje vou escrever sobre as famosas melancias quadradas cultivadas no Japão. Elas realmente existem! O formato serve, principalmente, para se encaixarem melhor dentro do refrigerador. Só que elas não são naturalmente quadradas. Para que fiquem nesse formato, quando as plantas começam a desenvolver flores, são colocadas dentro de recipientes em formato de cubo que ficam do formato e do tamanho que a caixa tiver.

Olhando com curiosidade para esses frutos aqui no Google, belos em sua simetria, mas forçosamente modificados em sua natureza, reflito: quantos de nós, de modo similar, não foram "moldados" pelo ambiente, ensinamentos e crenças que deformaram aquilo que nascemos para ser? Quantos de nós já precisaram demarcar até onde poderiam evoluir em função do espaço em que, de repente, se viram, abrindo mão de seu próprio crescimento em função das mais diversas limitações determinadas por agentes externos?

Ainda assim, as melancias quadradas seguem sendo melancias. Seu DNA de melancia está lá, e suas sementes, caso plantadas em terreno livre, darão frutos tão roliços quanto sua predestinação. Conosco, acontece o mesmo: as delapidações e rearranjos que nossas "caixas" nos causaram podem ter nos deformado de diversas maneiras, mas as sementes de nossa natureza ainda estão em nós, aguardando a oportunidade para florescerem, de modo que possam dar os frutos esperados.

Predominantemente, tanto nós quanto as melancias, somos formados por água. A grande diferença é que nós, seres humanos, temos a chance de tomarmos decisões que nos guiarão para a forma desejada de nossas vidas, ou podemos permanecer para sempre na forma em que fomos limitadamente cultivados, como as melancias quadradas.


O artigo publicado neste espaço é opinião pessoal e de inteira responsabilidade de seu autor. Por razões de clareza ou espaço poderão ser publicados resumidamente. Artigos podem ser enviados para opiniao@gruposinos.com.br
Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.