Publicidade
Opinião Opinião

Energia elétrica liga alerta

Por Angela Berthon
Publicado em: 15.09.2021 às 03:00 Última atualização: 15.09.2021 às 08:14

Já sinalizada e reconhecida pelo Governo Federal a gravidade da crise hídrica que vem atingindo o país não pode ser ignorada. Num país onde as hidrelétricas são a principal fonte de energia, o baixo nível dos reservatórios é preocupante. não há como negar isto.

A crise hídrica é resultado dos baixos níveis de água nos reservatórios, no momento em que deveriam estar em níveis normais para atender as necessidades da população.

No Brasil, a falta de água tornou-se mais grave a partir do ano de 2014. Na ocasião, a região Sudeste foi a principal afetada. A atual crise hídrica do Brasil é considerada a pior da história.

Apesar do Brasil apresentar quase um quinto das reservas hídricas do mundo, a falta de água é uma realidade. Além disso, a água não é igualmente distribuída no território brasileiro.

Por exemplo, a região Norte concentra a maior parte das reservas hídricas do país, sendo ao mesmo tempo a de menor densidade demográfica.

No Sudeste e Nordeste, onde está concentrada a maior parte da população e atividades industriais, existem poucas reservas hídricas.

O risco de racionamento está batendo à nossa porta. Já passamos por isto em meados do ano 2000. O alerta de economia de energia elétrica já foi dado pelo Governo com premiações para quem consumir menos.

O assunto é urgente, afeta a todos. Cada um deve fazer a sua parte, pois mais um aumento na conta de luz impacta a economia de todo um país. O tema é urgente e merece ser tratado com prioridade pelo governo e também pela sociedade (empresas e cidadãos). O pisca alerta já foi aceso e por favor quem sair por último apague a luz, literalmente. Cada um deve fazer a sua parte.


O artigo publicado neste espaço é opinião pessoal e de inteira responsabilidade de seu autor. Por razões de clareza ou espaço poderão ser publicados resumidamente. Artigos podem ser enviados para opiniao@gruposinos.com.br
Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.