Publicidade
Botão de Assistente virtual
Opinião Opinião

Normalidade não esperada

Por Marcelo Pelissioli
Publicado em: 13.10.2021 às 03:00 Última atualização: 13.10.2021 às 08:18

Apesar de ainda estarmos em situação de pandemia, o avanço no número de pessoas vacinadas e a estabilidade no número de hospitalizações já ensejam discussões sobre a continuidade do uso de máscaras e a derrubada gradual de restrições.

Após quase 20 meses em que sentimos os primeiros efeitos do coronavírus em nossas cidades, tempo em que, lamentavelmente, houve a perda de centenas de milhares de vidas e de empregos, o arrefecimento no número de novos casos de COVID-19 parece estar sinalizando uma luz no fim do túnel para a volta dos hábitos e rotinas os quais chamávamos de normalidade.

Precisamos lembrar, porém, que a nossa dita normalidade pré-pandemia era fortemente carregada de mazelas sociais, que podem ter significativamente se agravado durante esses quase dois anos. Os reflexos do desemprego e da inflação ultrapassando os limiares previstos, aliados a uma readaptação macroeconômica mundial, são diariamente vistos em nossas ruas. Como cidadão, vejo cada vez mais pessoas pedindo nas sinaleiras, mais mendicância, ao mesmo tempo em que os gráficos da violência começam a apontar para cima, principalmente em furtos de veículos e roubos a pedestres. Além disso, durante a pandemia, um crime tomou proporções alarmantes: os golpes virtuais que, em virtude de nossa dependência da tecnologia, chegaram para ficar.

Saudemos a volta de nossa dita "normalidade" e suas possibilidades de vivermos mais próximos daquele modelo de vida que nos era familiar. Contudo, precisamos manter na ordem do dia que, mesmo sendo tão esperada, muitas outras adversidades vêm junto no pacote dessa volta ao normal, principalmente aquelas que, como sociedade, nunca conseguimos resolver.


O artigo publicado neste espaço é opinião pessoal e de inteira responsabilidade de seu autor. Por razões de clareza ou espaço poderão ser publicados resumidamente. Artigos podem ser enviados para opiniao@gruposinos.com.br
Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.